SJ TheDaily - шаблон joomla Форекс

No dia de ontem, 19/02, professores do município de Icó-Ce, foram reprimidos com violência numa manifestação contra a redução de seus respectivos salários. A prefeita, para fazer valer a votação de um projeto nefasto que se mostra em claro confronto com os princípios mínimos de uma gestão que projeta melhoria para qualidade de vida do seu povo, usou da força policial contra os professores, ato corriqueiro na prática deste Brasil dos golpistas.

Como diz Eduardo Arraes, “não valorizar um professor é não se importar com o futuro de uma nação”. Nesse sentido, retrocessos como esse do município de Icó, é algo para se indignar e, ao mesmo tempo, lamentar. Como, em pleno século 21, se tira metade dos proventos de um trabalhador, que tem como piso nacional R$ 2.455,00 - um pouco mais de 02 (dois) salários mínimos - para cumprir a missão mais nobre a ser desempenhada pelo ser humano, que é desenvolver pessoal e profissionalmente crianças, adolescentes e jovens de um País?

O saudoso Paulo Freire já dizia: “Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda”. Portanto, não é desvalorizando o professor que se constrói a sociedade que almejamos. Ao contrário, dessa forma só retroagimos no pouco que avançamos na última década, em especial no Ceará, onde atingimos índices significativos na educação.

O que se espera dos gestores atuais é mais valorização desses profissionais que são a “espinha dorsal” da nossa sociedade, reconhecidos como fundamentais para a vida do ser humano. Não se tolera retrocesso como esse fato, porque só envergonha o nosso Estado perante aqueles que reconhecem o devido valor deste profissional, o professor.

Esse desrespeito por parte dos governantes, associado à desvalorização, torna o trabalho dos docentes cada vez mais espinhoso. Entretanto, precisamos nos fortalecer, nos mobilizando através de nossas entidades representativas. Somente através da nossa organização, e da interação consciente e propositiva, poderemos reverter atitudes como essa, que permeiam rotineiramente os discursos e as tramas na cabeça de alguns gestores descomprometidos com o bem estar social.

Nossos Parceiros

SIND SERPUMI

Nosso Endereço

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Icapuí - Rua Engenheiro Francisco de Assis, Centro.  62810-000—Icapuí—CE - Tel/Fax.: (88) 3432-1037 - Icapuí/Ce.

E-mail: sindicapui@yahoo.com.br.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree