SJ TheDaily - шаблон joomla Форекс

Em assembleia realizada no dia 18/04, os servidores públicos municipais decidiram por unanimidade entrar em ESTADO DE GREVE*, em função da morosidade no processo de negociação da Campanha Salarial de 2018 e dos seguidos atrasos no pagamento dos servidores da educação.

O pouco ou quase nenhum avanço no processo negociado no ano em curso tem se dado, na maioria das vezes, pela falta de sensibilidade da gestão em ponderar algumas observações feitas pela instituição e a incompatibilidade entre os dados apresentados pela gestão e os colhidos pela instituição junto aos mecanismos de controle e transparência do governo.

No decorrer do processo negociado, os representantes sindicais têm apresentado inúmeras situações passíveis de serem aperfeiçoadas, corrigidas e/ou evitadas, que podem promover melhorias significativas nos índices da folha de pagamento. Infelizmente, o governo se abstém de seguir por esse caminho de planejar melhor o quadro de pessoal, cortar excessos e corrigir distorções possíveis de serem corrigidas. Todos esses fatos, ao olhar da instituição sindical, são perniciosos e promovem o excesso de gastos com folha de pagamento.

Os dados apresentados pelo governo e os colhidos pelos que fazem a instituição tem muitas incompatibilidades que precisam ser dirimidas, a fim de possibilitar um direcionamento mais objetivo para as negociações. Feito isso, é preciso ver com outros olhos as observações e alertas feitas pela entidade, porque estas, no modo de ver dos que fazem a instituição, se feitas a contento, podem trazer um equilíbrio muito significativo para os desajustes financeiros do município em termos de folha de pessoal.

 

* O Estado de Greve se diferencia do indicativo de greve e da deflagração da greve em si. Ele é, portanto, compreendido como uma situação aprovada pelas trabalhadoras e trabalhadores para alertar os governantes sobre a possibilidade de deflagração de uma greve. Assim, o estado de greve figura como momento de reflexão, debate e mobilização em torno de um processo que pode vir ou não a culminar em uma greve, aqui compreendida como instrumento legal e legítimo diante de reivindicações.

Nossos Parceiros

SIND SERPUMI

Nosso Endereço

Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Icapuí - Rua Engenheiro Francisco de Assis, Centro.  62810-000—Icapuí—CE - Tel/Fax.: (88) 3432-1037 - Icapuí/Ce.

E-mail: sindicapui@yahoo.com.br.

We use cookies to improve our website. Cookies used for the essential operation of this site have already been set. For more information visit our Cookie policy. I accept cookies from this site. Agree